Técnica de PGRF

Em que consiste?

Antes de começar a cirurgia de implantes, vai-se extrair uma pequena quantidade de sangue do próprio paciente.
Esse sangue vai ser processado e, sem se acrescentar qualquer substância, obtém-se um concentrado de fatores de crescimento plasmático que será colocado na zona da cirurgia

Este procedimento é indicado em várias situações:

  • Após extração dos dentes;
  • Após apicectomias (cirurgia especializada à raiz dos dentes);
  • Durante e após a colocação de implantes dentários;
  • Em cirurgias de aumento ou correção de defeitos ósseos.

Quais as vantagens?

  • Permite a estabilização do coágulo pós-operatório, com benefícios para a cicatrização.
  • Diminuição do tempo necessário para a regeneração de um defeito ósseo.
  • Possível potenciação da neoformação de tecidos.
  • Ao encurtar-se o tempo de epitelização da ferida cirúrgica, diminuem as possibilidades de infeção e minimizamos o mau estar dos nossos pacientes.

Veja Também